Conheça 10 dicas sobre Design de logos para se inspirar

logos

Criar uma logo não é uma tarefa fácil. Pensando nisso, o Crativebloq elaborou uma série de dez ótimas dicas para você estimular sua criatividade durante o processo de design de logos.

1. Olhe além do óbvio.

Lance sua rede longe e não tenha receios. Não olhe apenas para os 10 melhores logotipos de todos os tempos (embora não seja um mau lugar para começar e estudar). É preciso também olhar além disso, no design e no mundo em geral.

Sempre que você ver ou encontrar algo que se destaque ou agrade você, por qualquer motivo, arquive esse pensamento. Anote detalhes. Deixe isso informar seu processo de design e contribuir à medida que seu novo logo começa a evoluir.

40 Brilliant and Creative Logo Design examples from around the world

2. Rabisque, faça doodles.

Não pense demais, comece com alguns esboços livres.

Às vezes você pode pensar demais sobre uma ideia e não chegar a lugar nenhum, então por que não cortar sua mente consciente e deixar a criatividade fluir, sem orientação, com um pouco de rabiscos aleatórios?

Você pode acabar com uma página de rabiscos sem sentido, mas em algum lugar na desordenada confusão de linhas, você pode encontrar algo que acenda aquela centelha essencial de inspiração.

The write stuff: Moleskine’s new notebook and pen digitises everything you write or draw. It can then be converted into normal text and images using the smartphone app

3. Pesquise o histórico do seu cliente

Confira todos os vários logotipos que seu cliente utilizou desde que a empresa foi fundada. Isso pode ser particularmente interessante se eles possuem muitas décadas de logos.

Você pode ser capaz de remontar ao passado, a herança de uma marca, se o cliente quiser se posicionar como uma marca de patrimônio, ou você pode ser capaz de revisar radicalmente o logotipo original em algo novo e moderno. Isso tem a vantagem da continuidade incorporada, mesmo quando você apresenta uma nova imagem.

Resultado de imagem para logo history

4. Explore o futuro do seu cliente

Discuta com seu cliente seus planos para o futuro – o que ele prevê para os próximos 12 meses ou para os próximos cinco anos? Há mudanças de direção iminentes ou novos produtos que possam afetar o logotipo que você projeta? Você precisa preparar o logotipo para o futuro porque as empresas mudam com o tempo.

Imagem relacionada

5. Ligue para um amigo

Embora faça todo o sentido obter o máximo de informações possíveis do cliente, às vezes não há nada tão útil quanto um novo par de olhos. Se você tiver algumas ideias elaboradas, leve-as a um amigo que não tenha nenhuma conexão com o projeto e veja o que ele(a) pensa. Muitas vezes, a opinião incorreta de alguém pode ser exatamente o que você precisa para disparar a imaginação.

6. Construa alguns mood boards

Mood boards e brainstorms podem ajudá-lo a endireitar seus pensamentos e misturar diferentes imagens e idéias de todas as formas, tamanhos e temas.

Jogue com palavras-chave e sinônimos e reúna uma infinidade de inspirações de diferentes fontes em um único painel para ver como elas se combinam.

Resultado de imagem para design moodboards

7. Percorra seus próprios arquivos de design

Provavelmente, para cada logo que você desenha, provavelmente terá algumas dúzias de esboços antes de decidir qual deles desenvolver mais. Nunca jogue fora essas ideias iniciais, pois elas formam um recurso valioso. Só porque um de seus primeiros esboços não funcionou para um cliente anterior, isso não significa que não funcionará.

Volte para o trabalho anterior que você criou, mas não usou, e você pode encontrar a semente que, com um pouco de carinho, pode se tornar a logo que você está procurando.

8. Exploda seu cérebro com imagens aleatórias

Percorra o Google Images e o Pinterest em assuntos relacionados e não relacionados às necessidades do logotipo de seu cliente. Em seguida, adicione os resultados ao seu mood board.

Escolha uma cor aqui, uma forma lá, uma palavra, um tipo de letra, depois veja como essas idéias diferentes podem funcionar juntas.

Resultado de imagem para creativity illustration

9. Mantenha-se receptivo

No final do dia, a inspiração pode atacar em qualquer lugar, a qualquer momento. Seja receptivo às ideias que fluem pela sua mente. Faça o croqui de algo e procure-o mais tarde para ver como ele pode funcionar dentro dos parâmetros do seu briefing.

Nesses estágios iniciais do processo de design, você precisa permitir que sua criatividade corra livre. Dê a si mesmo muitas ideias para trabalhar e depois pegue os melhores elementos de cada uma e descarte o resto.

10. Faça outra coisa

Se você já tentou de tudo e nada está surgindo, não tente forçar. Faça uma pausa e deixe seu cérebro prosseguir com outras coisas. Veja um filme, jogue videogames, cozinhe uma boa refeição ou apenas tire uma boa soneca. É incrível como ficar longe do problema e pensar em outra coisa pode resultar em um súbito lampejo do tipo certo de inspiração.

Não faz sentido esperar pela inspiração. Quanto mais você pesquisar, mais fácil será encontrá-la. Você desenvolverá um olho para o que funciona e o que não funciona e como pode aplicá-la aos seus projetos nascentes.

Para saber mais sobre notícias relacionadas, acesse YMDA News.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *